UM CONTO CHINÊS

(Un Cuento Chino, Argentina/Espanha, 2011,1h33, 14 anos)
Direção: Sebastián Borensztein

Com: Ricardo Darin ,Javier Pinto,Muriel Santa Ana.

 

Nesta  coprodução hispano-castelhana  o diretor conseguiu realizar um trabalho em que tudo funciona:o roteiro(inspirado em uma história real) os atores, a cenografia, a trilha sonora.

O filme começa com uma hilária e surreal cena de uma vaca caindo do céu....sobre um casal de chineses em um lago na  China,cena esta que  os expectadores só irão entender no final da película .
A história do chinês perdido em Buenos Aires à procura de seu tio reafirma a qualidade do cinema argentino já premiado em várias  produções.Aqui temos um filme sensível e espirituoso que fala do imponderável, da solidariedade humana, do amor.
Com poesia e  simplicidade o filme convida á reflexão sobre o absurdo, discute a tolerância e o autoconhecimento e nos faz rir( e muito) com os dramas da vida humana.
A impossibilidade de comunicação verbal entre o argentino e o chinês conduz à transformação do personagem principal e o leva a tomar a decisão que só se vê na cena final...
Terceiro  longa escrito e dirigido pelo argentino Sebastian Borensztein  que demonstra talento e segurança na direção.
O  filme levou mais de 1milhão de argentinos aos cinemas!

Imperdível!