Pesquisa rápida:

SINFARMIG E SINCOFARMA FECHAM CCT 2012/2013

Novo piso salarial é de R$ 2.775,00 pra jornada de 40h/semanais


Após assembleia da categoria farmacêutica que aprovou a Pauta de Reivindicações a ser apresentada ao Sindicato Patronal para a àrea de farmácias, drogarias e distribuidoras de medicamentos, a diretoria do SINFARMIG reuniu-se por diversas vezes com o  Sindicato do Comércio Varejista de Produtos Farmacêuticos de Minas Gerais (Sincofarma Minas), para negociar avanços para a categoria farmacêutica que atua nesse importante setor de atividade da profissão.


Cláusulas importantes como: adicional de insalubridade, adicional de 20% para Farmacêuticos que desempenham a função de diretor-técnico, aumento nos dias liberados para participação em atividades de capacitação profissional, espaço - ainda que não exclusivo - para a prática da Atenção Farmacêutica foram pontos aprovados em assembleia e exaustivamente defendidos nas reuniões, mas não foram aceitos pelos patrões.


A Diretoria do SINFARMIG, juntamente com sua assessoria jurídica também insistiu no aumento salarial com base no Índice de Custo de Vida (ICV) mais o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), totalizando 7,5% de aumento.


Infelizmente, o Sincofarma ainda continua com visão muito limitada em relação às mudanças necessárias para que os estabelecimentos farmacêuticos possam incorporar ações e serviços farmacêuticos que possam trazer um diferencial pelo trabalho qualificado do Farmacêutico e assim, certamente atrair mais clientes e aumento da lucratividade para as farmácias que implementarem esses serviços que, obrigatoriamente passam pelo crivo do Farmacêutico.


A velha e enfadonha cantilena dos patrões é de que a concorrência anda "pesada" e que a redução imposta pelo Governo em alguns medicamentos nesse mês de março de irá reduzir ainda mais a margem de lucro.


Infelizmente, por força da Emenda Constitucional Nº 45, que só permite o ajuizamento das negociações (Dissídio Coletivo) se houver concordância das duas partes envolvidas, nós ficamos de mãos atadas quanto aos recursos para avançar nas negociações.


O reajuste do piso salarial - já valendo para o mês de março - de 5,84%, ficou um pouco acima da inflação medida pelo INPC/IBGE.


O piso para 40 horas semanais será de R$ 2.775,00 sendo garantida a proporcionalidade para jornadas dirferentes (20h - R$ 1.387,50 | 30h - R$ 2.081,25 | 44h - R$ 3.052,50).


Temos pela frente dois grandes desafios:


1) Fazer valer a Convenção Coletiva de Trabalho, que tem força de lei e não permitir que nenhum farmacêutico receba menos que esse valor.

2) O segundo desafio é compreender que esse valor é o nosso salário de ingresso e portanto devemos lutar pela valorização do trablho farmacêutico para que o "piso" deixe de ser  "teto" e que mais avanços sejam conquistados. 

 

Diretoria - SINFARMIG

 

Rua dos Tamoios, 462 - 12º andar - Centro - Belo Horizonte-MG
Tel.: (31) 3212-1157 | Fax. (31) 3212-1936
E-mail: sinfarmig@sinfarmig.org.br